Queixa recente no Procon

– Deixa, então, eu entender: Você comprou o campo porque achou nele um tesouro, certo?
– Isso mesmo, moço.
– E agora, porque achou erva daninha que brotou no terreno, não quer mais o campo, correto?
– Pois é… as pessoas passam e veem toda aquela praga que brotou… fico meio constrangido.
– Mas as pessoas não veem o tesouro, não é?
– Não, não senhor…
– E você sabia que o campo era um campo como outro qualquer, não sabia? Sujeito a pragas comuns, que talvez parte dele fosse charco, parte pedregosa…
– É, de fato…
– Mas ficou com ele, tendo vendido tudo o que tinha, por causa do tesouro, não foi?
– Nisso o senhor tem razão.
– E agora tá disposto a perder o tesouro por causa dos problemas do campo?
– Mas, entenda bem, é que… é…
– Será que uma boa limpeza no campo não vai resolver isso não? Pensa mais um pouquinho antes de desfazer seu contrato…