Jacó e o travesseiro de pedra

Segundo o livro de Gênesis, na noite em que Jacó descobriu que Deus ligaria o Céu à Terra novamente, ele dormiu com a cabeça recostada a uma pedra, que usou como travesseiro (Cap. 28:11-18).

Ainda bem.

É que, quando acordou, Jacó decidiu usar a mesma pedra para fazer uma coluna, uma espécie de altar improvisado, sobre o qual ele derramou azeite, num gesto simbólico para mostrar sua adoração ao Deus que se revelara a ele.

Digo “ainda bem” porque não se fazem boas colunas com travesseiros. Por óbvias razões.

Este é o evangelho preferido de muita gente

Este é o evangelho preferido de muita gente

A pedra (figura de Jesus em diversas passagens do Velho Testamento) não se amoldou à cabeça de Jacó, assim como não dá para amoldar a Palavra de Deus à nossa mente. Mas nosso contato com ela deixa colunas, marcos importantíssimos e decisivos em nossa caminhada.

Certamente há pontos na Bíblia que não se moldam à mentalidade moderna do homem. Mas, faça como Jacó: conviva com a Pedra e ela se tornará uma referência importantíssima na sua vida.

(o ponta-pé inicial dessa postagem foi do amigo Luiz Henrique Manera. Obrigado, companheiro)