Põe-te de pé e falarei contigo

(os trechos sublinhados são links que fazem abrir o texto bíblico correspondente)

E DISSE-ME: Filho do homem, põe-te em pé, e falarei contigo. Então entrou em mim o Espírito, quando ele falava comigo, e me pôs em pé, e ouvi o que me falava. Ezequiel 2:1, 2

O nosso relacionamento com a Palavra de Deus é um indicador bastante preciso da nossa condição espiritual. A fé, diz a Bíblia, vem pelo ouvir e o ouvir pela Palavra de Deus.

Segundo as Escrituras, Deus falava diariamente com nossos primeiros pais. Poderíamos nos perguntar: Que tanto assunto assim tinham eles?
Mas Deus sempre teve “muito assunto” com os homens:
– A Noé o Senhor revelou Seu plano de juízo e Seu projeto de salvação;
– A Abraão nada ocultou, mas o visitava frequentemente para diálogos que enchiam o patriarca de esperança;
– A Jacó Deus falou diversas vezes e de muitas maneiras;
– A José, a Moisés, a Samuel, a Davi

Você pode estar pensando aí, com seus botões: Se Deus tem tanto prazer em falar com o homem, por que é que eu não sou assim, um interlocutor tão frequente ou tão íntimo de Deus?
O texto que lemos talvez possa trazer alguma luz sobre isso. A começar da ordem de levantar, dada ao profeta. Vemos ordens semelhantes dadas a outros servos de Deus:
– A Jeremias, no cap. 18 de seu livro, o Senhor ordenou: Levanta-te e desce à casa do oleiro E LÁ te farei ouvir as minhas palavras;
– A Elias o Senhor disse: levanta-te, come e bebe;
– E a Paulo: levanta-te e entra na cidade. E lá te será dito o que deves fazer.

Deus não fala ao homem caído. Não tem nada a lhe dizer, a não ser: LEVANTA-TE. E enquanto o homem não O atender, Deus continuará repetindo o mesmo apelo. Alguns poderão achar até isso meio monótono ou que Deus não tem muita criatividade…
Porém ao atender a esta ordem, ao abrir o coração para reconhecer que, ou está sentado (acomodado espiritualmente) ou deitado (dormindo espiritualmente), o homem tem imediato auxílio do Espírito de Deus, que entrou em Ezequiel e o levantou, estando incumbido ainda hoje da mesma função. A partir daí, ajudado a se erguer, o homem agraciado pela bondade do Senhor está pronto para ouvi-Lo e conhecer as insondáveis riquezas de Cristo.

O meu amado fala e me diz: Levanta-te, meu amor, formosa minha, e vem. Cantares 2:1
Vigiai, pois, em todo o tempo, orando, para que sejais havidos por dignos de evitar todas estas coisas que hão de acontecer, e de estar em pé diante do Filho do homem. Lucas 21:36